3

Histórinha de sábado...

Posted by Stella on 15:06 in ,

Situação: almoço especial em casa.
Personagens: ela, mamãe, dinda, priminha, namorado de mamãe, marido da dinda, mais convidados amigos de mamãe.
Humor: saudável.

Ela acorda e não sabe exatamente onde está, como de costume. Passados alguns minutos ela se lembra que está em casa e que é sábado - o dia do almoço em família. Se levanta, troca de roupa e, ao abrir a porta, dá de cara com a priminha sorridente dizendo que tinha tentado acordar ela, mas que não tinha conseguido. Talvez a priminha tenha falado mais alguma coisa, no entanto, Ela estava muito ocupada tentando chegar até o banheiro para definitivamente acordar.
Faz a toilette e, finalmente, dá atenção à priminha com um sorriso amarelo.
Desce e cumprimenta a todos. A priminha, única pessoa que lhe pede atenção, decide mostrar as músicas que tem no mp4 rosa-choque dela: Adriana Calcanhoto, Caetano Veloso, música do camarãozinho... para uma criança de oito anos a priminha anda com um gosto musical muito bom, é essa a conclusão que Ela chega.
Passada uma meia hora, outras crianças chegaram e a priminha parou de exigir atenção. Então, Ela passa a notar que não é mais necessária ali. Triste com essa conclusão, resolve ser útil: "Mamãe, que tem pra fazer?"

Mamãe: "Você pode picar tomates?"
Ela: "Posso...", então ela pica os tomates. "Que mais?"
Mamãe: "A pia tá cheia... dá uma lavada nessa louca?"
Ela concorda sem dizer nada. Vai lavando e a louça não some, procria. Tudo bem, ela Queria alguma coisa pra fazer.
Mamãe: "Você pode levar esses copos lá pra fora e servir as pessoas?"
Ela: "Aham...", leva os copos, as cervejas e os refrigerantes. Volta e lava mais louça. Quando percebe que não tem mais nenhum pratinho, talher ou tigela, ela sai da cozinha e nota que já são quase duas horas da tarde.
Ela: "Mãe, tô com fome."
Mamãe: "Espera que o bobó de mandioquinha ainda não tá pronto."
Ela então decide subir e ficar no computador esperando a vida acontecer.
Depois de uma hora, mamãe entra com um prato contendo arroz, batata palha e bobó de mandioquinha.

Ela então termina o post do blog e vai almoçar.

3 Comments


L.S. Alves disse...

Já passei por isso. Hoje em dia quando visito minha família tomo cuiddo pra não esquecer e passar o dia fazendo coisas que os outros também poderiam fazer. Pois nessas horas sempre tem alguém fugindo do trabalho.
Um abrçao moça.


Equilibrista Cambaleante disse...

Todo primo(a) pequeno é igual, a última vez que um deles tentou me acordar ganhou uma bela travesseirada com um palavrão de acompanhamento...

Nada pior do que acordar e dar de cara com a casa cheia de gente


Stella disse...

Ah, mas no fundo eu até gosto de sentir essa clima família. :)
É bom lembrar que ainda existe isso. Hoje em dia essas relações são tão raras

Copyright © 2009 Wild About My Stuff All rights reserved. Theme by Laptop Geek. | Bloggerized by FalconHive.