3

Dormire

Posted by Stella on 18:18 in
Deixada (continuação do conto)

Ela está extasiada. Como ele descobriu o que ela precisava? De onde ele surgiu? Ah! Não importava mais. Tudo parecia brilhar, uma música parecia tocar de fundo, se uma mesa com vinho aparecesse na sua frente, ela não se espantaria.

Tudo que ela queria estava ali. Uma ponta de identificação desponta e ela percebe que já o conhecia. Sim, era ele. O desconhecido adorável.
Enquanto ele ri com toda aquela confusão de sentimentos dela, ela vai falando, vai contando, vai desabafando.
Era como não saber mais o que ser, mas ela confiava nele. Ele era tudo pra ela.

Já estava tarde, o dia quase raiando e eles entrando em casa. Mal atravessou a porta, ele diz:
- Tenho que ir. - Ela, simplesmente, não consegue conter seu desapontamento.
- Como assim? Você não veio pra ficar? - parece até que vai chorar.
- Eu vim porque você precisava de mim. Porque você precisa de algo real, concreto, para acreditar em você. Mas eu não vim pra ficar. Eu não posso. Perderei o meu valor se ficar preso a você.
- Mas... - cala-se.

Ele ri novamente e passa a mão pela face dela. Vira e anda em direção à rua, à manhã que chega.
Ela deita na cama, pensa em chorar, mas dorme como nunca dormiu.


3 Comments


Junior disse...

Incrível que como às vezes, coisas simples acabam por deixar nosso dia mais completo. Ok, incrivel como tudo isso parte do fato de que estamos em paz com o nosso eu.

ah to sequelando, é bom... me apresenta o "ele" do texto que é pra ver se eu melhoro. Se possível, o "ele" em uma versão feminina.


beijos


Anna =) disse...

incrivel a sua facilidade de escrever...

fico pasma e gosto muito!

beijos


Edu Morenno disse...

tadinha! deixa ela dormir, agora sim ela merece descansar...

Copyright © 2009 Wild About My Stuff All rights reserved. Theme by Laptop Geek. | Bloggerized by FalconHive.